Is this real? Is this pretend?

Escrevi um livro de ficção. Escrevi porque queria sair de mim, mesmo usando algumas experiências pessoais. A história era de mentira e as sensações eram imaginárias. Mas foi intenso de escrever, muito mais do que meu outro livro inspirado em personagens reais. Esse, de ficção, foi pesado, sofri um pouco, envolvi sentimentos fortes e beirei a loucura.
Escrevi um livro de ficção. Escrevi porque queria sair de mim. Só não contava que o livro entraria em mim e minha vida entraria no livro. Dezenas de cenas, situações e capítulos tornaram-se reais apenas alguns dias depois de seu lançamento. Isso não é metáfora, isso é verdade. É estranho, desesperador e me dá um pouco de medo. Eu escrevi um livro e a história tomou vida. Eu criei uma protagonista que não tinha muito a ver comigo, mas que descreveu pra mim as emoções que eu mesma viveria depois. Fiz minha biografia ao contrário: primeiro o registro, depois o acontecimento. Pode isso? E agora? O que faço?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s